Botafogo: Por projetos sólidos e autossustentáveis

Com muita história “noutros esportes”, o Botafogo tem um caminho definido para voltar a erguer taças e resgatar o seu período de glórias nas modalidades olímpicas. Em linha com as novas diretrizes de Governança e a premissa de tornar os esportes autossustentáveis, o Clube abre uma chamada para participação de concorrência (RFP) com o intuito de estruturar, através de parcerias, projetos que viabilizem equipes competitivas e, através de licença de uso da marca, também gerem royalties para a instituição. É uma oportunidade para empreendedores e apaixonados pelo esporte de impactarem a sociedade com a formação e desenvolvimento de atletas, além de ser um investimento com enorme potencial de retorno.

“O Botafogo tem muito orgulho da sua tradição nos esportes olímpicos. Por essa razão, abrimos essa concorrência em busca de sólidos projetos que possibilitem a criação de equipes competitivas e, ao mesmo tempo, projetem a marca do Clube e se encaixem na nossa visão de futuro e de negócios”, destacou o Presidente Durcesio Mello.

A RFP contemplará projetos para o voleibol, natação, basquete, pólo aquático, atletismo, futsal, futebol 7 e futmesa. Na concorrência, serão avaliados, em linhas gerais, os aspectos financeiros (a capacidade de investimento do projeto), esportivo (garantia de competitividade), social (impacto para a sociedade na formação de atletas sob os melhores valores), marketing (representatividade na exposição da marca) e o prazo (período de estabilidade do projeto).

“Essa é a oportunidade de empreendedores e apoiadores dos esportes usufruírem da reputação centenária do Botafogo para obterem recompensas muito além do retorno financeiro. É uma chance única de impactar social e culturalmente a vida de muita gente, de formar cidadãos e de fazer história no esporte”, destacou o CEO Jorge Braga.

O Botafogo mira projetos de equipes profissionais e de base nas categorias masculinas e femininas. Também estão abertas propostas para o desenvolvimento de escolinhas, inclusive em modelo de franquias.

São aceitas parcerias com diversos tipos de patrocinadores, agências, entes públicos/Governo ou mesmo ONGs. O uso de Leis de Incentivo ao Esporte, nos âmbitos Municipal, Estadual ou Federal é possível, com a parceira sendo a proponente do projeto.

Interessados em obter mais informações sobre a concorrência, o formato e parâmetros de análise da RFP, deverão entrar em contato através do e-mail negocios@botafogo.com.br – com o título do e-mail constando o assunto “RFP Licenciamento Esportes Botafogo”. O prazo final para o envio da proposta será 11 de junho.

Assessoria de Imprensa



Fonte: Botafogo