Wellington é destaque com liderança e grande atuação em vitória: “Feliz por contribuir”

A vitória sobre o Internacional nesta quarta-feira (24/11) lavou a alma da torcida tricolor, que fez uma linda festa no Maracanã. E a construção do resultado passa muito pela grande atuação de Wellington, que, além de essencial na proteção à zaga, ajudou na construção de jogadas e, sobretudo, exerceu um papel de liderança dentro de campo. Feliz com o triunfo e o bom futebol apresentado, o camisa 5 destacou a confiança e a motivação da equipe em conquistar uma vaga na Libertadores do ano que vem.

“Fico feliz por contribuir. Quando cheguei no Fluminense eu vinha de um clube onde estava disputando grandes jogos também, mas, sem ritmo de jogo, acabei não tendo muita sequência como eu gostaria. Entrei em três jogos difíceis, contra Atlético-MG na Copa do Brasil e esses dois, contra Palmeiras e Internacional. Acredito que dei uma resposta positiva. O Fluminense foi um clube que eu escolhi estar e estou muito feliz com a minha atuação e com a do grupo. A gente está focado em colocar o Fluminense na Libertadores novamente”, declarou.

Leia mais: Fluminense chega a cinco vitórias seguidas e é o terceiro melhor mandante do Brasileirão

Com muitos desfalques, o Fluminense foi a campo com um meio-campo inédito, que teve somente um único treinamento para se entrosar. Isso, no entanto, acabou em segundo plano graças a uma característica muito forte de Wellington, que atuou como uma espécie de treinador dentro das quatro linhas. Orientando os companheiros o tempo todo, ele dividiu com Fred um importante papel de liderança na partida.

“Desde a base eu sempre exerci essa liderança, fui capitão e sempre procurei orientar meus companheiros. Eu tento sempre entender o jogo e não apenas jogar. Entender o que está acontecendo facilita e eu posso orientar. Ao longo da minha carreira sempre foi assim e hoje, mais experiente, facilita também. Formamos um meio-campo que praticamente nunca treinou junto, fizemos somente um treino antes desse jogo e deu tudo certo. Mas é importante conversar durante a partida para entrosar”, analisou o jogador, que contabilizou um desarme, uma interceptação, duas bolas longas precisas e teve 90% no acerto de passe, de acordo com estatísticas do SofaScore.

Leia mais: Fluminense vence o Inter no Maracanã e fica a um ponto do G-6

Com o resultado, o Fluminense chegou aos 51 pontos na tabela do Campeonato Brasileiro, agora a somente um da zona de classificação para a Libertadores. Depois de enfileirar duas vitórias consecutivas dentro de casa, o time do técnico Marcão agora se prepara para um difícil desafio como visitante. No próximo domingo, pela 36ª rodada, o Tricolor encara o líder Atlético-MG, às 16h, no Mineirão, no que para Wellington será mais uma decisão.

“Será mais uma final. A gente encara assim todos os nossos jogos e este não será diferente”.

Seja Sócio e receba conteúdos exclusivos, além de ter descontos em vários parceiros. Faça o Fluminense mais forte e escolha um plano agora!

Fonte: Fluminense

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário