Semus implanta ferramenta para monitorar necessidade de retorno dos pacientes

Divulgação PMV

Pacientes que necessitam de consultas de retorno ou cuidado continuado poderão realizar agendamento on-line.

Para auxiliar na gestão do cuidado com os pacientes que necessitam de consultas de retorno ou cuidado continuado, a Secretaria de Saúde de Vitória (Semus) desenvolveu no Sistema Rede Bem Estar a funcionalidade “Solicitação e Gestão do Retorno”.

“O uso da ferramenta pelos profissionais de saúde permitirá às equipes de saúde visualizarem todos os pacientes que necessitam de retorno. Com isso, será possível organizar melhor a oferta além de auxiliar as equipes no planejamento do cuidado, principalmente daqueles pacientes que os atendimentos de retorno são previstos para longos prazos a frente, como os Hipertensos de grau leve”, explicou a secretária de Saúde de Vitória, Thais Cohen.

Na segunda etapa do desenvolvimento da ferramenta de retorno será utilizado o agendamento on-line para retornos previstos para o paciente. Por exemplo, se ele possuir solicitação de retorno, ao buscar o agendamento on-line, poderá visualizar as vagas específicas disponíveis para o agendamento dele. Isso permitirá que o paciente agende o atendimento, sem a necessidade de ir até a Unidade de Saúde, somente para realizar o agendamento.

Rede Bem Estar

A gestão da saúde pública de Vitória utiliza o programa Rede Bem Estar (RBE), que interliga toda a rede municipal de saúde gerando informação em tempo real e com a utilização de assinatura digital para garantir a validade jurídica, além da informação, com segurança e rapide,z em qualquer equipamento da rede municipal de saúde.

Por meio da Rede Bem Estar, o Prontuário Eletrônico do Paciente (PEP) fica disponível, com segurança, para os profissionais de saúde, o que também inclui exames laboratoriais, exames de imagens, registros de visitas domiciliares. O acesso rápido do histórico do paciente agiliza e qualifica as intervenções necessárias no momento do atendimento.

O programa também permite a comunicação interna entre todos os profissionais da Semus e gera relatórios de dados para várias finalidades, já que reúne diferentes tipos de informação. Seu uso evita uma série de problemas, entre eles, anotações ilegíveis, perda e extravio de documentos, rasuras e controle de acesso as informações.

Fonte: Prefeitura Municipal de Vitória.

Leia mais notícias em Defesa – Agência de Notícias.