Representantes de grupos beneficentes conhecem os serviços voltados à população em situação de rua

Representantes de grupos beneficentes conhecem os serviços voltados à população em situação de rua

Publicada em 18/09/2021 às 16:33

Representantes de grupos beneficentes e lideranças religiosas com trabalho voltado à população em situação de rua visitaram, na manhã desta sexta-feira (17), os equipamentos e serviços municipais disponibilizados pela Prefeitura, por meio da Unidade de Gestão de Assistência e Desenvolvimento Social (UGADS), para atendimento deste segmento.

Acompanhado da gestora da UGADS, Maria Brant, e do diretor do Departamento de Proteção Social Especial da pasta, Luiz Guilherme Camargo, o grupo foi composto pelo Padre Clóvis Fontenla, capelão dos Hospitais, do Município e da Pastoral Carcerária da Diocese de Jundiaí; por Claudio Mariano, coordenador da Pastoral Carcerária; por Roberto Tafarello, presidente do conselho gestor do Hospital São Vicente e vice-presidente do Conselho Central de Jundiaí da Sociedade São Vicente de Paulo; por Elaine Sá, também da Sociedade São Vicente de Paulo; Michele Silva, vice-diretora da Comunidade Santa Luzia e integrante da Pastoral Carcerária; e por Heny Morau, assistente social do Centro Espírita Fraternidade.

A visita iniciou-se pela sede da UGADS, onde os participantes tiveram conversa inicial sobre o trabalho e os serviços. Em seguida, o grupo visitou o Centro Pop, que fica na rua Marechal Deodoro da Fonseca, 504, Centro, e é a porta de entrada da rede socioassistencial para a população em situação de rua, e onde são oferecidos diversos serviços, como alimentação, espaço para higiene pessoal e das roupas, guarda de pertences, além do atendimento técnico individualizado para identificação de demandas. O grupo visitou também a Casa de Passagem, onde é realizado também o acolhimento e pernoite em período de curta duração. A Casa de Passagem fica na rua Prudente de Moraes, 1830 (será transferida em breve para a avenida Aristeu Dagnoni) e é um serviço ofertado pela Prefeitura, atualmente, por meio de parceria com a Organização da Sociedade Civil (OSC) Serviço de Obras Sociais (SOS).

Durante a visita ao Centro Pop, o grupo conheceu o espaço onde são oferecidas as refeições aos atendidos

Luiz Guilherme frisou que, além de apresentar a estrutura e serviços, o objetivo da visita foi o de aproximar os atores envolvidos na distribuição de comida à população vulnerável, de modo a unificar os esforços. “Quanto à distribuição de cestas básicas, a ideia é criar um cadastro unificado, evitando excessos, como beneficiários que recebem em duplicidade, pelas organizações e pela Prefeitura, pois isso gera escassez para outros beneficiários, e também que estes parceiros contribuam com a busca-ativa de mais pessoas que precisem das doações. Já para a distribuição de comida pronta, como marmitex, nossa proposta é roteirizar as entregas, para que aconteçam de modo ordenado, em local organizado, onde haja acomodação, local para higiene, com descarte ideal após o consumo, pensando nas condições sanitárias e para que o beneficiário se aproxime à rede socioassistencial já existente”, explicou.

Segundo o padre Clóvis, a visita inspirou compartilhar com a Diocese o trabalho que a Prefeitura já vem realizando. “É necessário fazer chegar até as paróquias o conhecimento deste trabalho que já existe e que já é feito em larga escala. A proposta é articular oficinas e capacitar agentes para que eles entendam os encaminhamentos e o funcionamento da rede”.

Assessoria de Imprensa
Foto: Fotógrafos PMJ

Link original: https://jundiai.sp.gov.br/noticias/2021/09/18/representantes-de-grupos-beneficentes-conhecem-os-servicos-voltados-a-populacao-em-situacao-de-rua/

Galeria

Baixe as fotos desta notícia na resolução original


Fonte: Prefeitura Municipal de Jundiaí.

Leia mais notícias no Portal Defesa.