Projeto desenvolvido pela Seciju busca o fortalecimento de competências dos servidores do Sistema Socioeducativo

Primando pela valorização dos servidores do Sistema Socioeducativo, a Secretaria de Estado da Cidadania e Justiça (Seciju), com iniciativa da Superintendência de Administração do Sistema de Proteção dos Direitos das Crianças e Adolescentes, inicia projeto de fortalecimento de competências para cargos que atuam diretamente nas medidas socioeducativas.

A gerente da Escola Superior de Formação e Qualificação Profissional, Rute Andrade, que está desenvolvendo o Projeto no âmbito da Superintendência e do Sistema Socioeducativo em parceria com Núcleo de Suporte Pedagógico (Nuped), fala sobre o trabalho e enfatiza que todos os cargos serão contemplados. “O principal objetivo do uso dessa ferramenta é fortalecer e maximizar as habilidades e competências de todos os cargos e com o diagnóstico, planejar ações que buscam a excelência na execução das medidas socioeducativas. A princípio, está sendo desenvolvido com os pedagogos e depois definiremos a sequência dos demais cargos”, destacou.

Fortalecimento de Competências

O intuito do Projeto é realizar diagnóstico e identificar as práticas de cada equipe para alinhar ações de planejamento por cargo, executado em quatro fases, sendo: levantamento das atribuições dos servidores nas unidades por meio de questionário on-line via Google Doc; análise dos questionários; encontro virtual com os profissionais de cada área para diagnóstico utilizando a ferramenta de planejamento estratégico Swot que trabalha as fortalezas, fraquezas, oportunidades e ameaças de cada um; e por fim, produção de documento norteador com ações estratégicas voltadas para cada cargo.

“Para além do alinhamento profissional, o ciclo de fortalecimento de competências é um espaço de empoderamento profissional, conhecimento das boas práticas aplicadas em diferentes realidades e um espaço de diálogo aberto para construção coletiva de soluções de diferentes problemáticas”, enfatizou a Assistente Social e responsável pelo Nuped, Edna Castro.

 

Edição: Thâmara Cruvinel 

Fonte: Governo do Estado de Tocantins