Prefeitura homologa licitação de R$ 13 milhões para a compra de medicamentos que abastecerão Unidades de Saúde da capital

O prefeito de Rio Branco Tião Bocalom, acompanhado da secretária Municipal de Saúde (Semsa), Sheila Andrade, visitou nesta sexta-feira, 24, o departamento de apoio farmacêutico.

O objetivo da visita foi para homologar uma licitação no valor de R$ 13 milhões de reais para a aquisição de medicamentos. Antes essa licitação custava R$ 33 milhões de reais para comprar a mesma quantidade de remédios. O prefeito Tião Bocalom mandou fazer um novo pregão que gerou uma economia de R$ 20 milhões de reais. Dinheiro esse que será investido na melhoria da saúde do município.

A secretária Municipal de Saúde (Semsa), Sheila Andrade, informou que a gestão está muito satisfeita. “É uma economia que é benéfica não só para nós da gestão, como também para a população de Rio Branco”, disse a secretária.

Ainda de acordo com a secretária são 198 medicamentos que serão homologados e distribuídos. “ Queremos agradecer a paciência da população, neste momento, com a falta desses itens e informar que a partir da próxima semana esses remédios estarão disponíveis em todas as Unidades Básicas de Saúde do município”, enfatizou.

Uma determinação do prefeito Tião Bocalom, quando assumiu a prefeitura, foi a economicidade, a qualidade dos serviços e a transparência. “Eu estou feliz com a equipe de licitação que conseguiu mostrar que quando a gente trabalha com transparência, e quer gastar bem o dinheiro, a gente gasta. Nessa compra nós conseguimos economizar R$ 20 milhões de reais do preço inicial. E esse dinheiro economizado será investido na saúde do rio-branquense”, enfatizou Bocalom.

“Nós tivéssemos um problema da falta de medicamentos, e até pedimos desculpas à população por isso, mas o nosso compromisso é de não deixar mais faltar esses medicamentos”, concluiu o prefeito.

Fonte: Prefeitura Municipal de Rio Branco.

Leia mais notícias no Portal Defesa.