Prefeitura apresenta potencial agrícola em novo campo experimental

O Campo Experimental 2021 está em uma nova área rural de Boa Vista, agora no Centro de Difusão e Tecnologia (CDT), região do Bom Intento. O evento de abertura ocorreu neste sábado, 31, reunindo produtores rurais, técnicos agrícolas e visitantes. Foram apresentadas as cultivares deste ano, teve palestras para os agricultores, venda de produtos e vacinação. O campo ficará aberto para visitação, de segunda à sexta, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Numa área de três hectares de terra, foram plantadas cultivares de milho, soja, sorgo boliviano, capim e a principal atração são os girassóis, que devem atrair um grande público ao local. Um dos principais objetivos do evento é avaliar as cultivares que se adaptam bem as condições climáticas de Roraima, com maior resistência às pragas e doenças e com destaque na produtividade.

“O campo experimental é um lugar onde trazemos tecnologia, experimenta sementes diferentes, métodos de plantio diferentes. É isso que faz a diferença na vida do produtor, a prefeitura entra com esse apoio tecnológico e assistência técnica”, disse o prefeito Arthur Henrique.

O evento contou ainda com um ciclo de palestras voltadas aos produtores com os temas “Benefício do pó da rocha na agricultura sustentável” e  “Tecnologias embarcadas em sementes de milho”. Ocasião também marcada pela entrega de equipamentos agrícolas, como tratores, arados, calcareadeiras, plantadeiras, grades aradoras para uso dos agricultores atendidos pela prefeitura. 

A produtora rural Antônia Gomes, presidente de associação, aproveitou o evento para comercializar a produção de seu grupo de associados, como a farinha da batata-doce, pimenta, feijão, abóbora e muito mais.  “Estamos apresentando hoje o que é produzido na agricultura familiar. Sempre que temos oportunidade de expor nossos produtos, a gente está junto”, disse.

Já o produtor rural indígena, Luiz Fagner, levou toda a família da Comunidade do Morcego para participar do evento e das palestras. “Trabalhamos com produção de milho e feijão e pretendemos trabalhar com outras variedades, por isso viemos acompanhar de perto o plantio experimental. Só temos a agradecer o apoio da prefeitura às comunidades indígenas”, disse.

O Campo Experimental existe desde 2018, criado ainda na gestão da ex-prefeita Teresa Surita através da Secretaria Municipal de Agricultura e Assuntos Indígenas. Os materiais utilizados no campo são fornecidos por grandes empresas multinacionais que manifestam interesse em testar a adaptabilidade destes materiais em Boa Vista.

Vacinação – As equipes da Secretaria Municipal de Saúde estiveram no local do evento para aplicação da vacina contra a covid-19, obedecendo o calendário determinado pelo Ministério da Saúde e a faixa etária a partir de 18 anos. Teve também vacinação contra a influenza.

 

Fotos: Katarine Almeida – https://bit.ly/3rJnb4f  

 

 

Fonte: Prefeitura Municipal de Boa Vista.

Leia mais notícias no Portal Defesa.