Precocidade e alto rendimento são características de novo trigo BRS Jacana

A Embrapa Soja e a Fundação Meridional lançam a cultivar de trigo BRS Jacana, no dia 17 de setembro, a partir das 8h30, durante o DIGICAMPO de Inverno 2021 que será realizado, em formato digital, no Canal da Embrapa Soja no YouTube e no canal do IDR-PR. A programação completa do evento pode ser consultada abaixo. O BRS Jacana é um trigo da classe Pão, com grãos duros, indicados tradicionalmente para o fabrico de pão francês. De acordo com os pesquisadores Manoel Bassoi e Salvador Foloni, da Embrapa Soja, o BRS Jacana é uma opção rentável de trigo pão, tanto para o produtor, quanto para a indústria, pela precocidade, alto rendimento de grãos, estabilidade de produção, aliados à qualidade tecnológica. O BRS Jacana é indicado para as regiões: 1, 2 e 3 do Paraná; 1 e 2 de Santa Catarina; e 2 de São Paulo. Bassoi, que avaliou o potencial de rendimento médio dos grãos em ensaios, nos três estados, mostra que as produtividades, no Paraná, foram de 4.315 kg/ha, 4.898 kg/ha e 3.962 kg/ha, nas Regiões 1, 2 e 3, respectivamente. Em Santa Catarina, foram de 5.514 kg/ha e 4.457 kg/ha, nas Regiões 1 e 2, respectivamente. Na Região 2 de São Paulo foi de 5.355 kg/ha. Com relação a doenças, o BRS Jacana é moderadamente resistente à ferrugem da folha e às manchas foliares. O BRS Jacana tem ciclo precoce, de 59 dias de espigamento e 95 dias de maturação. É moderadamente suscetível à germinação pré-colheita e moderadamente resistente ao acamamento. “O BRS Jacana entra no mercado revigorando as opções de cultivo do produtor que busca um trigo precoce. É uma cultivar que combina excelência no potencial produtivo, ampla adaptabilidade e o produtor já pode garantir sua semente para a próxima safra”, destaca Carina Rufino, chefe de Transferência de Tecnologias da Embrapa Soja. Para Ralf Udo Dengler, gerente executivo da Fundação Meridional, o lançamento do BRS Jacana traz mais uma grande opção ao produtor de trigo, com conceito TOP 5000 de rendimento. “Em todas as regiões de recomendação, seu elevado potencial produtivo e sua ótima estabilidade, aliados às características ideais de qualidade tecnológica, trazem ao agricultor e à indústria, uma excelente opção de trigo pão”, destaca Dengler. As sementes da BRS Jacana podem ser adquiridas com a Fundação Meridional. Acesse: www.fundacaomeridional.com.br. WhatsApp: (43) 9 9923-2603 – Alana Programação do DIGICAMPO 8h30 – 8h45: Boas-vindas dos representantes da Embrapa, IDR e Meridional Alvadi Balbinot (Chefe de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa Soja) Natalino Avance de Souza (Diretor-Presidente do IDR-Paraná) Josef Pfann Filho (Diretor-Presidente da Fundação Meridional) 8h45 – 9h: Lançamento BRS Jacana 9h – 9h15: Cultivares de trigo da Embrapa 9h15 – 9h30: Cultivares de trigo do IDR-Paraná 9h30 – 09h45: Vantagens do trigo como opção de rotação de inverno Pesquisador da Embrapa Soja José Salvador Foloni 09h45 – 10h: Perguntas dos participantes e encerramento DIGICAMPO – Dia de Campo de Trigo Data: 17 de setembro (sexta-feira) Horário: 8h30 – 10h Local: Canais da Embrapa Soja e IDR-Paraná no Youtube

A Embrapa Soja e a Fundação Meridional lançam a cultivar de trigo BRS Jacana, no dia 17 de setembro, a partir das 8h30, durante o DIGICAMPO de Inverno 2021 que será realizado, em formato digital, no Canal da Embrapa Soja no YouTube e no canal do IDR-PR. A programação completa do evento pode ser consultada abaixo.

O BRS Jacana é um trigo da classe Pão, com grãos duros, indicados tradicionalmente para o fabrico de pão francês. De acordo com os pesquisadores Manoel Bassoi e Salvador Foloni, da Embrapa Soja, o BRS Jacana é uma opção rentável de trigo pão, tanto para o produtor, quanto para a indústria, pela precocidade, alto rendimento de grãos, estabilidade de produção, aliados à qualidade tecnológica. O BRS Jacana é indicado para as regiões: 1, 2 e 3 do Paraná; 1 e 2 de Santa Catarina; e 2 de São Paulo.

Bassoi, que avaliou o potencial de rendimento médio dos grãos em ensaios, nos três estados, mostra que as produtividades, no Paraná,  foram de  4.315  kg/ha,  4.898 kg/ha e 3.962 kg/ha, nas Regiões 1, 2 e 3, respectivamente. Em Santa Catarina, foram de 5.514 kg/ha e 4.457 kg/ha, nas Regiões 1 e 2, respectivamente. Na Região 2 de São Paulo foi de 5.355 kg/ha.

Com relação a doenças, o BRS Jacana é moderadamente resistente à ferrugem da folha e às manchas foliares. O BRS Jacana tem ciclo precoce, de 59 dias de espigamento e 95 dias de maturação. É moderadamente suscetível à germinação pré-colheita e  moderadamente resistente ao acamamento.

“O BRS Jacana entra no mercado revigorando as opções de cultivo do produtor que busca um trigo precoce. É uma cultivar que combina excelência no potencial produtivo, ampla adaptabilidade e o produtor já pode garantir sua semente para a próxima safra”, destaca Carina Rufino, chefe de Transferência de Tecnologias da Embrapa Soja.

Para Ralf Udo Dengler, gerente executivo da Fundação Meridional, o lançamento do BRS Jacana traz mais uma grande opção ao produtor de trigo, com conceito TOP 5000 de rendimento. “Em todas as regiões de recomendação, seu elevado potencial produtivo e sua ótima estabilidade, aliados às características ideais de qualidade tecnológica, trazem ao agricultor e à indústria, uma excelente opção de trigo pão”, destaca Dengler.

As sementes da BRS Jacana podem ser adquiridas com a Fundação Meridional. Acesse: www.fundacaomeridional.com.br. WhatsApp: (43) 9 9923-2603 – Alana

Programação do DIGICAMPO

8h30 – 8h45: Boas-vindas dos representantes da Embrapa, IDR e Meridional
Alvadi Balbinot (Chefe de Pesquisa e Desenvolvimento da Embrapa Soja)
Natalino Avance de Souza (Diretor-Presidente do IDR-Paraná)
Josef Pfann Filho (Diretor-Presidente da Fundação Meridional)

8h45 – 9h: Lançamento BRS Jacana
9h – 9h15: Cultivares de trigo da Embrapa
9h15 – 9h30: Cultivares de trigo do IDR-Paraná
9h30 – 09h45: Vantagens do trigo como opção de rotação de inverno
Pesquisador da Embrapa Soja José Salvador Foloni
09h45 – 10h: Perguntas dos participantes e encerramento

DIGICAMPO – Dia de Campo de Trigo
Data: 17 de setembro (sexta-feira)
Horário: 8h30 – 10h
Local: Canais da Embrapa Soja e IDR-Paraná no Youtube

 



Fonte: Embrapa