O Campeonato Taça das Favelas de Free Fire

Campeonato Taça das Favelas de Free Fire - Foto: Divulgação/Taça das Favelas
Campeonato Taça das Favelas de Free Fire - Foto: Divulgação/Taça das Favelas

Confira como vai funcionar a próxima edição da competição, que vai oferecer prêmios de até R$100 mil.

Em sua segunda edição, o Campeonato chamado “Taça das favelas” do jogo Free Fire, já tem previsão de, pelo menos, 200 mil inscritos para este ano de 2021. O evento foi criado pela Central de Favelas e desde o seu lançamento, foi um grande sucesso.

Diferente da primeira edição, este ano, o campeonato contará com o patrocínio do Banco Itaú, que vai oferecer chips de celular para os participantes poderem se conectar com a internet.

Desse modo, ajudando as equipes a avançarem para as etapas superiores, além das de nível estadual.

O patrocinador também estará lançando uma campanha chamada “#IssoMudaoGame”, que tem como objetivo, realizar uma aproximação entre o universo gamer e as instituições financeiras.

Como vai funcionar o Campeonato

O prazo de inscrição da Taça das Favelas de Free Fire se encerrou desde o último dia 28 de setembro. De acordo com as expectativas da organização do evento, mais de 1.200 equipes serão formadas, serão participantes do Brasil inteiro e a disputa terá como prêmio principal, o valor de R$ 100 mil.

Na próxima etapa do evento, a Central única das Favelas (CUFA), irá selecionar os jogadores que irão poder ainda se inscrever no torneio até o dia 13 de outubro. Depois disso, as competições serão disputadas a nível estadual, para só depois avançarem para as etapas no patamar nacional.

Um fator inédito que terá na competição deste ano, é a repescagem, que será feita com os segundos colocados da competição estadual. Ao todo, serão 36 times que irão disputar o título brasileiro, na final que ocorrerá no dia 4 de dezembro.

Mano Brown jogando Free Fire – Foto: Reprodução/Kondzila

O grande prêmio

Além do grande título e da premiação de R$ 100 mil, a equipe vencedora terá também o privilégio de ter um bootcamp com um dos times profissionais mais famosos do Free Fire, a LOUD. O grupo famoso apresentará ainda um showmatch junto com os finalistas, irá produzir conteúdos sobre eles e sobre os jogadores que se destacarem.

De acordo com o idealizador do evento Taça das Favelas de Free Fire, Celso Athayde, este ano a competição fará história, junto com tantos parceiros importantes de credibilidade. O evento tem tudo para ser monstruoso em relação ao seu sucesso.

Como surgiu a ideia

Taça das Favelas – Foto: Divulgação/Taça das Favelas

O Campeonato Taça das Favelas de Free Fire surgiu em meio a pandemia que começou no ano de 2020. A ideia veio da organização que realiza o evento de futebol, já há oito anos e que também faz muito sucesso.

Depois de ter os campos físicos fechados por conta da pandemia, a saída foi criar um campeonato de vídeo game.

Só em 2020, o primeiro evento reuniu mais de mil times entre 12 estados brasileiros. Quem venceu a competição foi o time Divineia do Paraná, que ficou com o prêmio final de R$ 15 mil.

Tabela de Classificação – Foto: Divulgação/Taça das Favelas

Para saber mais sobre o evento Taça das Favelas de Free Fire, o jogador precisa acessar os links nos canais oficiais do Torneio da desenvolvedora Garena.

Créditos: Defesa – Agência de Notícias.