Kremlin assume que Biden não pretende melhorar relações bilaterais com Rússia

“Esta relação está muito ruim”, afirmou Peskov ao ser questionado sobre o relacionamento entre os dois países.

“Declarações muito ruins”, ressaltou ao comentar as recentes declarações do presidente dos EUA Joe Biden sobre o presidente russo, Vladimir Putin. Além disso, lembrou que o líder norte-americano certamente não está interessado em melhorar as relações com a Rússia.

Anteriormente, o presidente norte-americano afirmou que o Putin era um “assassino” e prometeu que o presidente russo “pagaria” por uma suposta interferência nas eleições presidenciais dos EUA em 2020.

“Eu não usaria muitas palavras para reagir a isso. Direi apenas que são declarações muito ruins do presidente dos EUA. Ele inequivocamente não pretende melhorar as relações com nosso país, e a partir daí vamos partir desse princípio”, afirmou Peskov.

O porta-voz do Kremlin não deu mais detalhes, contudo, afirmou que é difícil dizer se Putin reagirá às declarações do líder norte-americano.

“Não posso informar com precisão”, respondeu ao ser questionado sobre uma possível reação de Vladimir Putin.

A abordagem da Rússia da relação com os EUA será analisada em um futuro próximo, inclusive durante consultas com o embaixador russo em Washington, Anatoly Antonov.

“Nossa abordagem será analisada em um futuro próximo, inclusive durante consultas com nosso embaixador, que foi convidado a Moscou”, afirmou Peskov.

Fonte: Sputnik News