Governador se solidariza com 1 milhão de mineiros que foram infectados pela covid-19

Nesta quinta-feira (18/3), Minas Gerais registrou a triste marca de 1 milhão de pessoas infectadas por covid-19. O governador Romeu Zema, por meio das redes sociais, se solidarizou com os familiares que perderam algum ente vítima da doença e com as pessoas que precisaram ser hospitalizadas para receber cuidados especiais.

“Presto minha solidariedade e meu respeito a todas as pessoas que de alguma forma estão sofrendo com essa doença. A covid está se propagando cada vez mais rápida e comprometendo o sistema de saúde, que não consegue atender adequadamente o grande volume de novos infectados”, afirmou o governador.

Em vídeo divulgado nas redes sociais, Romeu Zema voltou a fazer um apelo à população mineira para que adote medidas de proteção contra o coronavírus. “Cada um deve dar sua contribuição para uma causa que visa, acima de tudo, salvar vidas”, afirmou.

Nesta semana todas as regiões do estado entraram na onda roxa para conter a disseminação da covid-19. Nesta fase do plano Minas Consciente, as cidades devem seguir medidas mais severas de restrição, sendo permitido o funcionamento apenas de serviços essenciais.

A circulação de pessoas fica limitada a funcionários e usuários desses estabelecimentos, com restrição de circulação das 20h às 5h e aos finais de semana. O deslocamento por qualquer outra razão, com exceção dos trabalhadores envolvidos com as atividades essenciais, deverá ser justificado.
 

  • Confira a deliberação 130 do Comitê Extraordinário Covid-19 sobre criação da onda roxa no estado neste link.

Fonte: Governo de Minas Gerais