Empresa cria novo combustível a partir de CO2 eletrificado

Créditos: Youmatter

Uma empresa que trabalha no setor de transformação de carbono, chamada Twelve, revelou ter criado um novo tipo de combustível “limpo”, o qual é produzido a partir do uso de “CO2 eletrificado”. Segunda a empresa, este combustível é livre de emissões de carbono e representa uma alternativa sustentável aos combustíveis fósseis utilizados atualmente.

A invenção da companhia Twelve, sem dúvidas, indica que a tecnologia de criação de novos combustíveis está crescendo. O novo combustível será um dos combustíveis mais limpos que que estarão disponíveis no mercado e, segundo a empresa, isso deve acontecer em breve.

Os executivos da Twelve afirmaram que o novo combustível apenas se destina ao uso em aeronaves, através de um relatório do portal Green Car Congress. O combustível foi denominado E-Jet e criado a partir de um procedimento bastante inusitado, envolvendo o uso de “CO2 eletrificado”.

Ele foi desenvolvido com o apoio da Força Aérea dos Estados Unidos e tem potencial para se tornar uma opção eficaz e capaz de substituir os combustíveis fósseis atualmente usados pelas aeronaves, o que irá reduzir o impacto ambiental causado pela indústria da aviação, que atualmente corresponde a cerca de 2% do total de emissões de carbono no planeta.

No site da empresa, a Twelve destacou que a tecnologia atual do avião elétrico é limitada e que este tipo de aeronave só pode realizar grandes voos contendo passageiros com uma duração de, no máximo, três horas, o que reduz bastante o seu uso.

Segundo a empresa, “os voos mais longos precisam de uma fonte de energia de densidade mais alta do que as baterias podem fornecer hoje”. A partir deste pensamento, os criadores da nova tecnologia tiveram a ideia para a invenção: “Então, o que podemos fazer? Vamos eletrificar o combustível”.

O combustível chamado E-Jet é basicamente feito de CO2 eletrificado. A Twelve fez uma parceria com pesquisadores especialistas em conversão de carbono para desenvolver seu novo combustível livre.

O E-Jet ainda apresenta outra vantagem: segundo os pesquisadores por trás da invenção, ele pode ser usado em qualquer aeronave existente sem a necessidade de ajustes no maquinário de cada uma delas.

Como explicou o CEO da companhia Twelve, Nicholas Flanders: “a empresa basicamente eletrificou o combustível por meio de um processo eletroquímico, assim o combustível pode ser usado direto nos aviões comerciais existentes, permitindo que as operadoras reduzam instantaneamente sua pegada de carbono sem qualquer sacrifício à qualidade operacional. Já que não se pode eletrificar os aviões, nós eletrificamos o combustível”.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário