Consulta pública discute criação de nova área de interesse ambiental em Tanguá

Foi realizada, na tarde de ontem (24), no plenário da Câmara Municipal de Tanguá, uma consulta pública para discussão da proposta de criação da Unidade de Conservação no Morro de Mutuapira, área rural da cidade.
A iniciativa tem o objetivo de preservar a natureza, disciplinando o processo de ocupação e assegurar a sustentabilidade do uso de recursos naturais  na região.

Durante o encontro, foram apresentadas as razões pelas quais há o interesse da preservação da mata, bem como a diversidade biológica da sua fauna, de sua flora e do conjunto de espécies de vida silvestre que nela habitam.

Entre os assuntos discutidos estavam também os relacionados às ações de desenvolvimento e preservação do meio ambiente, emissão de gases que provocam efeito estufa e aquecimento global.

Participaram do evento autoridades municipais, como a presidente da Câmara Municipal de Tanguá, vereadora Aline  Pereira, também os vereadores Léo do Jipe, Müller Souza, Waldemir Gomes e Márcia Matos – os dois últimos, presidente e membro, representando a Comissão de Meio Ambiente da Câmara Municipal de Tanguá; o secretário municipal de Meio Ambiente, Praças, Parques e Jardins, Bernardo Bastos; o secretário municipal de Educação, Luciano Lucio e a secretária municipal de Desporto, Lazer e Melhor Idade, Marilene Maciel Soares (Pyll Maciel); representantes também de entidades e da sociedade civil, como a presidente da Associação dos Citricultores e Produtores Rurais de Tanguá, Alessandra Bellas; o ex-prefeito Carlos Pereira; funcionários da Indústria Patense, empresa multinacional instalada em nosso município, entre outros.

Representando o Estado, estiveram presentes o Superintendente de Conservação da Subsecretaria de Conservação da Biodiversidade e Mudanças do Clima e Renata Lopes, cidadã Tanguaense, do ProuC.

Fonte: Prefeitura Municipal de Tanguá.

Leia mais notícias no Portal Defesa – Agência de Notícias.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário