Chanceler do Irã lançará livro que provaria não cumprimento de acordo nuclear por membros ocidentais

A carta foi publicada em persa e inglês com uma introdução pelo próprio Zarif, junto com outros documentos coletados no decorrer de seis anos, supostamente expondo o não cumprimento do Plano de Ação Global Conjunta (JCPOA, na sigla em inglês) pelos seus membros ocidentais, reporta o Tehran Times.

A coleção de cartas escritas pelo chanceler iraniano foi preparada pelo Instituto de Estudos Políticos e Internacionais, cuja versão digital já está acessível ao público. A versão impressa também estará disponível na próxima semana, segundo o orgão.

Alta Representante da UE para Política Externa e Segurança Federica Mogherini e Ministro das Relações Exteriores Mohammad Javad Zarif depois de assinar o acordo em Viena

©
REUTERS / Leonhard Foeger
Alta Representante da UE para Política Externa e Segurança Federica Mogherini e Ministro das Relações Exteriores Mohammad Javad Zarif depois de assinar o acordo em Viena

Durante uma entrevista neste domingo (1º), Mohammad Zarif declarou que “em uma carta que escrevi ao secretário-geral das Nações Unidas, há duas semanas, registramos a história desse não cumprimento desde setembro de 2016. Esses crimes se tornaram um livro que será publicado em breve. Isso mostra que tentamos nosso melhor, mas fatores externos ao governo [iraniano] e externos ao país nos impediram de alcançar o resultado que desejávamos”, citado pela mídia.

Fonte: Sputnik News