Ratnik, equipamento russo do ‘soldado do futuro’, terá nova arma

Até os finais de 2018, o equipamento militar russo Ratnik receberá uma nova faca multifuncional, capaz de realizar as funções de diferentes ferramentas, bem como novos uniformes de combate, disse o comandante do Comitê de Ciência Militar das Forças Armadas da Rússia, coronel Andrei Romanyuta.

“A faca multifuncional que hoje em dia há no equipamento Ratnik, em princípio, realiza suas funções, mas existem pedidos para ampliar seu leque de possibilidades. Ou seja, por exemplo, no projeto técnico inicial ela não permitia retirar parafusos… Em vez da que temos, acho que ao longo de 2018 vamos decidir como ela deve ser, e até os finais do ano já teremos uma nova”, disse o militar ao falar na rádio Ekho Moskvy.Para mais, Romanyuta assegurou que equipamento incluirá um novo uniforme de combate que garantirá conforto extra para os soldados.

“Há pedidos de melhorar a ventilação, para que o microclima debaixo da roupa seja melhor, estamos trabalhando nisso, e acho que daqui a 1-2 anos isso será resolvido e produzido um novo uniforme”, explicou.

As entregas em série às Forças Armadas da Rússia dos equipamentos de proteção individual de 2ª geração Ratnik começaram a ser efetuadas em 2017. Este equipamento inclui modernas armas de fogo, complexos de defesa eficientes, dispositivos de reconhecimento e comunicação, ou seja, cerca de 10 diferentes subsistemas. Ademais, o Ratnik pode ser usado em diferentes condições climáticas e em qualquer hora do dia.

Hoje em dia, já está sendo desenvolvida a 3ª geração do Ratnik, com um capacete do sistema de comando integrado, exoesqueleto de combate, calçado anti-minas e outros elementos.

FONTE: Sputnik