Boeing fecha parceria com empresa polonesa para o programa KRUK de helicópteros de ataque

A Boeing e o Polska Grupa Zbrojeniowa (PGZ) assinaram um acordo para parceria em uma série de oportunidades de negócios para o helicóptero AH-64E Apache em apoio ao Programa KRUK de Helicópteros de Ataque na Polônia.

O AH-64E Apache está sendo considerado pelo governo da Polônia para o seu requisito de helicóptero de ataque. Como parte desse esforço, a Boeing e o PGZ estão desenvolvendo oportunidades para apoiar, sustentar e atualizar sistemas de defesa; integrar sistemas poloneses exclusivos no AH-64 Apache; fortalecer as capacidades de fabricação; incorporar empresas do PGZ na cadeia de suprimentos da Boeing; buscar o desenvolvimento de antecipadas capacidades industriais de defesa e outras atividades conforme acordado entre as partes.

“O PGZ é nosso principal parceiro de cooperação industrial de defesa e este acordo reforça e avança nossa parceria”, disse Gene Cunningham, vice-presidente de Vendas Globais para Defesa, Espaço e Segurança da Boeing. “O acordo valida nosso compromisso de longo prazo de trabalhar com a indústria polonesa, enquanto demonstra a cooperação industrial que apóia as metas de segurança nacional da Polônia de desenvolver capacidades de defesa independentes alinhadas com o Plano para o Desenvolvimento Responsável da Polônia.”

“A carta de intenções assinada é mais um passo para construir uma base de serviços e modernização para o helicóptero de combate que possa ser selecionado no programa KRUK. É crucial termos autonomia para manter a eficiência dos helicópteros ao longo de seu serviço, porque esse é um dos fatores-chave que reduzirão os custos do ciclo de vida e, ao mesmo tempo, ampliará a competência de nossa força de trabalho e instalações. A cooperação com um parceiro tão respeitável como a Boeing é um grande reconhecimento do nosso potencial”, disse Jakub Skiba, Presidente do Conselho de Administração do PGZ.

O Apache AH-64E é o helicóptero de combate mais avançado atualmente em produção para o Exército dos EUA e um número crescente de forças de defesa internacionais. Atualmente operado por 16 países, o Apache oferece capacidade inigualável, interoperabilidade, prontidão e os menores custos operacionais.

O Polska Grupa Zbrojeniowa (PGZ) é líder da indústria polonesa e um dos maiores grupos de defesa da Europa. Ele concentra mais de 60 empresas (dos setores de defesa, estaleiros e novas tecnologias).

FONTE: Cavok