Light Attack Experiment pode ter rascunho de RFP em semanas

O Jane’s noticiou que um participante do Light Attack Experiment (LAE) da Força Aérea dos EUA (USAF) espera que o serviço libere um rascunho de solicitação de proposta (RFP) em semanas e feche um contrato em abril de 2019.

O vice-presidente da Sierra Nevada Corp (SNC), Taco Gilbert, disse ao Jane’s em 18 de julho que a USAF pediu aos participantes que esperassem uma RFP em dezembro. O rascunho da RFP será a chave, uma vez que fornecerá informações sobre os pensamentos da USAF sobre quais capacidades da aeronave priorizará, à medida que for alcançando uma possível concessão de contrato. A USAF não retornou um pedido de comentário até o momento da publicação da notícia.

A parte aérea da LAE terminou no final de junho, após um acidente fatal em um SNC/Embraer A-29 Super Tucano, ocorrido em 22 de junho. O tenente da Marinha Christopher Short faleceu na queda enquanto estava no Red Rio Bombing Range.

Um outro membro da tripulação sofreu ferimentos leves e foi levado de helicóptero para um hospital local. Gilbert se recusou a comentar sobre o acidente fatal, citando uma investigação ativa do conselho de segurança.

A avaliação de manutenção do experimento continua segundo Gilbert, tarefas de manutenção mais extensas que teriam interrompido a parte de voo do experimento. Ele disse que estes incluem a instalação e remoção de motor e assento de ejeção, substituição e balanceamento de hélice. Gilbert acrescentou que o rascunho do RFP provavelmente daria uma boa indicação de quanto a USAF avaliará a facilidade de manutenção em uma aquisição potencial.

A USAF, disse Gilbert, coletou cerca de 90% dos pontos de teste do experimento antes de terminar a parte aérea. Ele acrescentou que o serviço disse que planejava coletar cada ponto de teste várias vezes durante a parte aérea do experimento.

Beechcraft AT-6 Wolverine
Beechcraft AT-6 Wolverine

 

FONTE: Poder Aéreo