Poderia caça F-15 dos EUA vencer novíssimo Su-57 com esta ‘arma’ secreta?

O "clássico" Boeing F-15C Eagle poderia desafiar as capacidades furtivas do caça russo de quinta geração, opinou especialista norte-americano.

O prazo de utilização do caça norte-americano F-15С Eagle está se esgotando, contudo, este avião ainda poderia competir com os caças russos de quinta geração Su-57, de acordo com um recente artigo publicado na revista The National Interest.

Segundo o analista da edição, após a instalação de novos motores, o Su-57 vai superar qualquer caça de quarta geração, tendo em vista a combinação de sua velocidade, manobrabilidade, equipamento eletrônico e capacidades furtivas.

Porém, segundo o artigo, o avião F-15 possui uma “resposta” a esta última vantagem da aeronave russa.

Os caças modernos podem ser detectados em um espetro infravermelho de ondas longas, ressaltou o ator da matéria. Levando o dito em consideração, a empresa Lockheed Martin está desenvolvendo o sistema de pontaria Legion Pod, que permitirá que os F-15 detectem com alta precisão e monitorizem os inimigos a distâncias consideráveis.

Após detectar um Su-57, para o piloto do F-15 bastará lançar contra ele mísseis de longo alcance Raytheon AIM-120D AMRAAM.

“Caso o Su-57 sobreviva ao ataque de mísseis norte-americanos, o F-15C ficará em uma posição desvantajosa devido à manobrabilidade do caça russo. Contudo, os pilotos do F-15C tem muita experiência contra os F-22 muito manobráveis”, concluiu o ator.

FONTE: Sputnik