Corveta Barroso regressa ao Rio de Janeiro após missão de paz no Líbano

A Corveta Barroso, que participou durante seis meses da missão de paz no Líbano, atracará na Base Almirante Castro e Silva, em Niterói-RJ, no próximo sábado, dia 21 de abril, às 10 horas.

A Corveta Barroso atuou como capitânia da Força-Tarefa Marítima da Força Interina das Nações Unidas do Líbano (FTM-UNIFIL), entre setembro de 2017 e março deste ano, dando continuidade à missão de paz conduzida pela Organização das Nações Unidas (ONU). Essa Força-Tarefa tem como objetivo impedir a entrada, em território libanês, de armas ilegais e material correlato, além de contribuir com o treinamento militar da Marinha libanesa. Cabe destacar que essa é a única força-tarefa marítima de manutenção de paz sob a égide da ONU em operação e, desde 2011, é comandada por um Almirante da Marinha do Brasil.

Projetada pela Diretoria de Engenharia Naval e construída pelo Arsenal de Marinha do Rio de Janeiro, a Corveta Barroso foi lançada ao mar em 20 de dezembro de 2002 e incorporada à Marinha do Brasil em 19 de agosto de 2008. Seu deslocamento é de 2.400 toneladas, possui autonomia para permanecer 30 dias no mar ininterruptamente, podendo atingir velocidade de até 30 nós. Para realizar a Operação Líbano XII, o navio contou com uma tripulação de 180 militares, que reencontrarão seus familiares após nove meses de afastamento de seus lares.

  • Evento: Regresso da Corveta Barroso após participação em missão de paz no Líbano
  • Local: Base Almirante Castro e Silva
  • Data: 21 de abril de 2018
  • Horários: a partir das 9 horas
  • Endereço: ILHA DE MOCANGUÊ GRANDE – S/N°  – CENTRO – NITERÓI – RJ

Os órgãos da mídia interessados em cobrir a atracação do navio poderão credenciar-se previamente junto ao Comando da Força de Superfície pelo telefone 2189-1984 – Contato: SO-RM1-ES CHAGAS ou pelo e-mail: comforsup.comsoc@marinha.mil.br.

DIVULGAÇÃO: Comando da Força de Superfície