Deputado sírio explica os motivos do ataque dos EUA contra a Síria

A ativação de terroristas no sul de Damasco e a retomada dos tiroteios nos arredores da capital síria estão diretamente ligados ao ataque de mísseis dos EUA, Reino Unido e França. Quem afirma é o deputado do Conselho Nacional Sírio, Maha Shbib, a repórteres russos.

Anteriormente, o Ministério da Defesa da Rússia havia informado que terroristas abriram fogo ao sul de Damasco, deixando quatro pessoas feridas.

“Sem dúvida, há uma ligação entre a agressão do Ocidente contra Damasco e a retomada da ação de terroristas no sul da capital síria. Como um dos objetivos da agressão foi fornecer a possibilidade para que militantes aproveitassem o momento de confusão, com o qual o Ocidente contava. Nada disso aconteceu”, observa.

Segundo o deputado, “o Exército da Síria se manteve em plena prontidão de combate, capaz de deter qualquer tentativa de ativar terroristas”. “E apesar de tudo o que aconteceu, essa agressão só vai acelerar nossa vitória completa sobre os grupos terroristas”, completou Shbib.

FONTE: Sputnik